Lava-louças

A eficiência de uma lava-louça é medida como o número de ciclos de lavagem por quilowatt-hora de eletricidade. Aproximadamente 80% da energia total utilizada por uma lava-louça vai para o aquecimento de água. Para aumentar a eficiência, muitos esforços foram concentrados na redução da quantidade de água utilizada. A disposição e o número de braços borrifadores são projetados para garantir que cada prato saia limpo e cristalino.

As lava-louças costumam ser instaladas na cozinha. Portanto, os requisitos para controle de ruído e vibração são rigorosos. Isso se reflete nas máquinas mais novas, que possuem um nível de ruído aprimorado, em muitos casos abaixo de 45 dB.

Os rolamentos precisam estar de acordo com os requisitos técnicos de:

  • Alta eficiência de lavagem
  • Vida útil longa
  • Baixo ruído e vibração.

Projetos diferentes

Alguns projetos de lava-louça incluem uma bomba de água exclusiva acionada por um motor de indução monofásico que desempenha ambas as tarefas de lavagem e drenagem. Em outros casos, duas bombas diferentes podem ser encontradas, uma dedicada ao ciclo de lavagem e a outra à drenagem.

A SKF pode oferecer uma variedade de produtos para atender ambas as opções.

Soluções

SKF logo