Reduza o MTBF (tempo médio entre falhas) nas bombas

O problema

Bombas de processamento de hidrocarbonetos lutam contra condições corrosivas e de calor excessivo que eventualmente desgastam os rolamentos e causam falhas prematuras. As paradas de máquinas levam a indústria a gastar centenas de milhões de euros anualmente em manutenção e perda de produtividade.

A solução

Para uma grande refinaria, a resposta envolveu rolamentos SKF Explorer, alinhamento de eixo a laser, e montagem aprimorada e métodos de lubrificação. A SKF trabalhou junto com a refinaria para identificar e implementar uma linha de soluções de otimização de ativos.

Resultado

A refinaria aumentou o tempo médio entre falhas (MTBF) em uma grande porcentagem das bombas, de 18 meses para 54 meses, ao longo de um período de 10 anos. Juntamente com extensão do MTBF, a refinaria percebeu uma quantidade importante de benefícios: 
  • Reduzir os custos de manutenção
  • Vibração e ruído reduzidos
  • Montagem dos rolamentos mais fácil, segura e precisa
  • Responsabilidade centralizada
Retorno do investimento (ROI)
  • População de bombas: 523
  • Redução das falhas nas bombas (maior MTBF, de 18 para 54 meses): 046 (menos falhas) 
  • Custo de falhas:
  • Componentes (€ 8.970 por bomba x 1.046): € 9.382.620 
  • Mão de obra (4 equipes x 7,5 horas por bomba x € 28,65 por hora x 1.046): € 899.037: 
  • Valor total: € 10.281.657  
  • Investimento na solução SKF (rolamentos, treinamento, ferramentas de alinhamento, monitoramento de condições): € 1.722.000 
  • Vantagem líquida: € 8.559.657
  • Retorno do investimento da solução SKF em 54 meses: 497% 
SKF logo