Iniciativa da SKF realiza sonhos de crianças de escola pública

  • Artigo

    2015 Maio 15, 11:20 BRT

    Projeto Realizando Sonhos visa promover integração com a comunidade

     

    Iniciativa do Rolando o Bem, Comitê de Responsabilidade Social da SKF, contemplou alunos da 1ª série da Escola Municipal São Benedito, em Cajamar, cidade onde fica a sede da empresa no Brasil. O objetivo do evento, que aconteceu na última sexta-feira, dia 8 de maio, foi promover a integração da comunidade e a companhia, além de estimular as crianças para que não desistam de lutar pelos seus sonhos.

     

    Um carrinho de boneca, uma bicicleta, uma festa de aniversário e até mesmo um beliche. Essas foram apenas algumas das respostas dos alunos da escola para a pergunta: “Quais são seus maiores Sonhos?”. As crianças integram a primeira turma escolhida a participar do projeto Realizando Sonhos, do Comitê de Responsabilidade Social da SKF.

     

    “O programa recebeu o nome de Rolando o Bem tanto pelo sentido de ‘rolar’, que remete ao rolamento, um de nossos principais produtos, e o sentido de se criar uma corrente do bem na comunidade. Queremos contribuir extramuros pelo bem da região, porque fazemos parte dela”, destaca Juliana Taglhare, Coordenadora de Treinamento e Desenvolvimento da SKF.

     

    Fábrica de Sonhos

     

    A realização dos sonhos foi marcada por muitos sorrisos e um clima de dever cumprido. “Começamos com uma ideia muito simples de realizar um único sonho, mas fomos surpreendidos com a Diretoria de Educação com o mapeamento de 1,7 mil sonhos. Selecionamos uma sala de aula e isso gerou uma corrente do bem dentro da companhia onde hoje estamos muitos felizes por poder realizar o sonho de 18 crianças.”, comemora Taglhare.

     

    A SKF foi recebida pelas crianças em sua própria sala de aula com uma tenda dos sonhos repleta de presentes. A medida que os colaboradores da SKF contavam com o que sonhavam quando eram pequenos e como eles conseguiram realizá-los, os alunos eram convidados a compartilharem também seus desejos.

     

    Para a surpresa dos pequenos, seus sonhos foram materializados à medida que seus nomes eram chamados. “Para a gente, talvez dizer que vamos realizar um sonho de alguém é uma pretensão muito grande, mas queremos estimular que os sonhos não acabem. Porque é isso que nos mantêm vivos. Em especial, em situações difíceis, o que nos deixa em pé é o sonho, saber olhar o nascer do sol”, defende Claudinei Reche, presidente da SKF.

     

    O executivo esteve presente no evento e parabenizou o Comitê de Responsabilidade Social pela iniciativa, que se estenderá ao longo do ano. Luiz Aquino, Diretor de Recursos Humanos da SKF, também comemora a iniciativa, destacando que a responsabilidade social deve ser uma atividade de todos. “Estamos sempre engajados. Temos essa cultura na empresa, então, por que não compartilhar isso com mais pessoas, e levar o bem, principalmente na comunidade onde estamos inseridos?”, questiona.

     

    Satisfeito com o pontapé inicial do Rolando Bem, Aquino explica que a receptividade dos colaboradores foi essencial para que o projeto fosse bem-sucedido. “Quando a gente faz uma ação como essa ganhamos muito mais do que as pessoas que estamos ajudando. A alma fica revigorada”, finaliza.

  • Imagem

Download do kit de imprensa

Kit de imprensa (1020 KB)

Todas as notícias

Mostrando 1 - 5 de 474notícias

Notícias do Brasil

Mostrando 1 - 5 de 323notícias

SKF logo