Uso químico e conformidade legislativa

A SKF tem trabalhado ativamente ao longo dos anos para reduzir o uso de produtos químicos nocivos na produção. A química não tem um impacto apenas sobre o meio ambiente se mal gerenciada quando um produto contendo produtos químicos for descartado; o uso de produtos químicos em processos de fabricação, como o vapor de compostos orgânicos voláteis (VOC), também pode afetar a saúde dos funcionários.

A SKF deixou claro que todas as substâncias nocivas listadas na Lista de substâncias declaráveis automotivas globais (GADSL, Global Automotive Declarable Substance List), REACH de preocupação elevada e a lista SIN, com um limite de concentração de 0,1 % (peso), não serão usadas nos produtos SKF. De fato, as Diretrizes de projeto ecológico da SKF são um processo em que integramos importantes questões ambientais como a reciclabilidade de produtos, os requisitos legislativos e a biodegradabilidade no projeto e no desenvolvimento de nossos novos produtos.

Como lidamos com o uso de produtos químicos?

  • Solventes e VOC
    Uso de solvente - redução de 50% em termos absolutos

    Após atingir, com sucesso, a meta anterior de redução do uso de solvente em 25% em 2007 (em comparação com o nível de 2002), a SKF estabeleceu uma nova meta: a redução de 50% em termos absolutos até 2012 (em comparação com o nível de 2007).

    Embora tenha ocorrido um progresso significativo (uma redução de cerca de 700 toneladas desde 2007), o uso de compostos orgânicos voláteis em 2012 foi de 929 toneladas, o que significa uma redução de apenas 42% até a data. Agora, o objetivo de 50% de redução foi estendido até 2016.

    Nosso relatório de desempenho pode ser encontrado na seção Monitoramento e relatórios de desempenho.
  • PCBs
  • ODS
  • REACH
SKF logo