Projetos e variantes

Rolamentos de projeto básico
Os rolamentos de projeto básico (sufixo de designação A) têm uma geometria interna otimizada que oferece alta capacidade de carga axial e radial e uma operação silenciosa. Os rolamentos de projeto básico, que também estão disponíveis com tampa, podem ter rebaixos nos anéis interno e externo (fig. 1).
Rolamentos com anel interno de duas peças

Os rolamentos com um anel interno de duas peças contêm um alto número de esferas grandes e fornecem ao rolamento alta capacidade de carga, principalmente na direção axial.

Os rolamentos da série 33 D (fig. 2) são separáveis, ou seja, o anel externo com os conjuntos de gaiola e esferas podem ser montados de forma independente das metades do anel interno.

Os rolamentos da série 33 DNRCBM (fig. 3) não são separáveis. Eles têm uma ranhura para anel de retenção com um anel de retenção no anel externo, permitindo uma fixação axial simples e que economiza espaço no mancal. Os rolamentos na série 33 DNRCBM foram projetados especificamente para bombas centrífugas, mas também podem ser usados em outras aplicações.

Gaiolas

Os rolamentos de duas carreiras de esferas de contato angular SKF são equipados com duas gaiolas: Dependendo do projeto, série e tamanho do rolamento, o projeto da gaiola varia (tabela 1).

Geralmente os lubrificantes usados em rolamentos de rolos não possuem qualquer efeito prejudicial às propriedades da gaiola. No entanto, alguns óleos sintéticos e graxas à base de óleo sintético e lubrificantes contendo aditivos EP, quando usados em altas temperaturas, podem apresentar um efeito prejudicial nas gaiolas de poliamida. Para obter mais informações sobre a adequação das gaiolas, consulte Gaiolas e Materiais da gaiola.

Soluções de vedação

A SKF fornece os rolamentos de projeto básico mais comuns tampados com uma vedação de contato ou placa de proteção nos dois lados. Para obter informações sobre a adequação das vedações ou placas de proteção sob várias condições, consulte Soluções de vedação.

Os rolamentos com tampa em ambos os lados são lubrificados para toda a vida útil do rolamento e não devem ser lavados nem relubrificados. Os rolamentos são considerados praticamente livres de manutenção. Caso devam ser montados a quente, deve ser utilizado um aquecedor por indução, A SKF não recomenda aquecer rolamentos com tampa a uma temperatura acima de 80 °C (175 °F). No entanto, se forem necessárias temperaturas mais altas, certifique-se de que a temperatura não exceda a temperatura permitida da vedação ou da graxa, a que for mais baixa. Durante o início da operação, a graxa pode vazar no anel interno. Em arranjos de rolamentos em que esta situação seja prejudicial, deverão ser tomadas medidas especiais quanto ao projeto. Para obter informações adicionais, entre em contato com o serviço de engenharia de aplicação SKF.

Placas de proteção

As placas de proteção são feitas de aço laminado. A SKF fornece as placas de proteção em dois modelos. As placas de proteção usadas em rolamentos menores apresentam uma extensão no furo da placa que forma uma longa e estreita fresta com o ressalto do anel interno (fig. 4). As placas de proteção usadas em rolamentos maiores e em todos os rolamentos SKF Explorer se estendem para dentro de um rebaixo no anel interno (fig. 5).

Os rolamentos de duas carreiras de esferas de contato angular SKF com uma placa de proteção nos dois lados são identificados pelo sufixo de designação 2Z.

Vedações de contato

As vedações de contato (fig. 6) são feitas de NBR e reforçadas com um inserto de aço laminado. Essas vedações, instaladas em um rebaixo no anel externo, fazem um contato bom e positivo com o rebaixo. O lábio de vedação exerce uma pressão leve contra o rebaixo no anel interno, proporcionando uma vedação eficaz.

Os rolamentos de duas carreiras de esferas de contato angular SKF com uma vedação de contato nos dois lados são identificados pelo sufixo de designação 2RS1.

Graxas para rolamentos com tampa

Os rolamentos de duas carreiras de esferas com tampa de contato angular são preenchidos com uma das seguintes graxas (tabela 2):

  • A graxa padrão é GJN.
  • Na Europa, a MT33 é a normalmente usada e amplamente disponível.
  • Os rolamentos de esferas de contato angular SKF Energy Efficient são preenchidos com graxa de baixo atrito GE2.
  • Outras graxas listadas na tabela 2 podem ser fornecidas sob solicitação.

A graxa padrão não é identificada na designação do rolamento (sem sufixo de designação). Outras graxas são indicadas pelo sufixo da graxa correspondente.

SKF logo