Modelos e variantes

Tipicamente, rolamentos série Y têm uma superfície externa esférica (convexa) e um anel interno prolongado (fig. 1) com diferentes tipos de dispositivo de fixação. As várias séries de rolamentos série Y diferem na maneira como o rolamento é fixado no eixo:
  • com parafusos com parafusos de fixação (fig. 2)
  • com um colar excêntrico de fixação (fig. 3)
  • com a tecnologia de fixação SKF ConCentra (fig. 4)
  • com uma bucha de fixação (fig. 5)
  • com um ajuste interferente (fig. 6)
Os rolamentos série Y com um anel interno prolongado nos dois lados funcionam mais suavemente, pois reduzem o quanto o anel interno pode se inclinar no eixo.
O sortimento padrão de rolamentos série Y SKF apresentado nesta seção também inclui variantes para aplicações específicas, como:
Rolamentos série Y com parafusos de fixação
  • são indicados para aplicações de direções constantes e alternantes de rotação
  • são fixados no eixo apertando-se os dois parafusos de fixação sextavados com ponta tipo copo, posicionados a 120° um do outro o anel interno

Rolamentos de projeto básico

  • estão disponíveis com um anel interno prolongado em um dos lados (fig. 7, série de rolamentos YAT 2)
  • estão disponíveis com um anel interno prolongado em ambos os lados (fig. 8, série de rolamentos YAR 2)
  • são tampados em ambos os lados (→ Sealing solutions) com:
    • vedação robusta padrão (→ Standard seals) para a série de rolamentos YAT 2
    • uma vedação robusta padrão e um defletor comum adicional de aço laminado (→ Standard seals with additional flingers, sufixo de designação 2F) ou um defletor de aço laminado emborrachado (→ Multiple seals, sufixo de designação 2RF) para a série de rolamentos YAR 2
  • têm dois furos para relubrificação no anel externo como padrão, um de cada lado, posicionados a 120° um do outro
  • podem ser fornecidos sem furos para lubrificação sob encomenda (sufixo de designação W)
Para condições operacionais exigentes que ocorrem em aplicações agrícolas, como combinações e enfardadeiras, harvesters e os arados de disco, a SKF desenvolveu a série de rolamentos YARAG 2 (fig. 9). Esses rolamentos:
  • são equipados com uma vedação de cinco lábios patenteada (→ Sealing solutions, 5-lip seals)
  • são fornecidos sem furos para lubrificação no anel externo

Rolamentos com anéis zincados

  • são indicados para o uso em ambientes corrosivos
  • estão disponíveis com um anel interno prolongado em ambos os lados (série de rolamentos YAR 2..-2RF/VE495)
  • têm parafusos de fixação feitos de aço inoxidável
  • têm uma tampa em ambos os lados com uma vedação múltipla altamente eficaz (→ Sealing solutions, Multiple seals) são feitos de borracha compatível com alimentos, com um inserto e um defletor feitos de aço inoxidável
  • são preenchidos com graxa apropriada para alimentos
  • possuem dois furos para relubrificação no anel externo, um de cada lado, posicionados a 120° um do outro

Rolamentos de aço inoxidável

  • são indicados para o uso em ambientes corrosivos
  • estão disponíveis com um anel interno prolongado em ambos os lados (série de rolamentos YAR 2..-2RF/HV)
  • têm todos os componentes de aço feitos de aço inoxidável, incluindo anéis, esferas, peças das vedações e dos defletores de metal laminado e parafusos de fixação.
  • têm uma tampa em ambos os lados com uma vedação múltipla altamente eficaz (→ Sealing solutions, Multiple seals) são feitos de borracha compatível com alimentos, com um inserto e um defletor feitos de aço inoxidável
  • são preenchidos com graxa apropriada para alimentos
  • têm um canal circular com um furo para lubrificação no anel externo, situado no lado oposto do dispositivo de fixação
  • possuem uma capacidade de carga menor do que rolamentos de mesmo tamanho feitos de aço carbono-cromo de alta qualidade
Rolamentos série Y com um colar excêntrico de fixação
  • são indicados para uso em aplicações nas quais a direção de rotação é constante
  • têm, em um lado, um degrau excêntrico no anel interno prolongado para acomodar o colar de fixação, que é:
    • zincados para rolamentos com um furo métrico
    • com óxido preto para rolamentos com um furo em polegadas
  • são travados no eixo por meio do giro do colar de fixação na direção da rotação; um simples parafuso de fixação prende ainda mais o colar no eixo
  • estão disponíveis com um anel interno prolongado em um dos lados (fig. 10, série de rolamentos YET 2)
  • estão disponíveis com um anel interno prolongado em ambos os lados (fig. 11, série de rolamentos YEL 2)
  • são tampados em ambos os lados (→ Sealing solutions) com:
    • vedação robusta padrão (→ Standard seals) para a série de rolamentos YET 2
    • uma vedação robusta padrão e um defletor comum adicional de aço laminado (→ Standard seals with additional flingers, sufixo de designação 2F) ou um defletor de aço laminado emborrachado (→ Multiple seals, sufixo de designação 2RF/VL065) para a série de rolamentos YEL 2
  • têm dois furos para relubrificação no anel externo como padrão, um de cada lado, posicionados a 120° um do outro
  • podem ser fornecidos sem furos para lubrificação sob encomenda (sufixo de designação W)
Para condições operacionais exigentes que ocorrem em aplicações agrícolas, como combinações e enfardadeiras, harvesters e os arados de disco, a SKF desenvolveu a série de rolamentos YELAG 2 (fig. 12). Esses rolamentos:
  • são equipados com uma vedação de cinco lábios patenteada (→ Sealing solutions, 5-lip seals)
  • são fornecidos sem furos para lubrificação no anel externo
Rolamentos série Y SKF ConCentra
  • são indicados para aplicações de direções constantes e alternantes de rotação
  • oferecem uma maneira fácil, rápida e confiável de travar um rolamento em um eixo, mesmo em aplicações nas quais há cargas pesadas e/ou velocidades altas
  • permitem que a velocidade-limite total seja atingida, mesmo com eixos comerciais comuns
  • têm um anel interno simetricamente prolongado em ambos os lados (fig. 13, série de rolamentos YSP 2)
  • incluem tecnologia de fixação patenteada SKF ConCentra, que é baseada na expansão e na contração das duas superfícies conjugadas a seguir, com serrilhados de engenharia de precisão:
    • o furo do rolamento
    • a superfície externa da bucha escalonada
  • oferecem um ajuste concêntrico real no eixo, pois, quando os parafusos de fixação no colar de montagem são apertados, o anel interno é deslocado axialmente em relação à bucha escalonada (fig. 14 e fig. 15), forçando o anel interno do rolamento a se expandir e a bucha escalonada a se contrair de modo uniforme
  • oferecem baixos níveis de ruído e vibração e praticamente elimina a corrosão por contato
  • têm uma tampa em ambos os lados com uma vedação robusta padrão e um defletor comum adicional de aço laminado (→ Sealing solutions, Standard seals with additional flingers)
  • têm dois furos para relubrificação no anel externo como padrão, um de cada lado, posicionados a 120° um do outro
  • podem ser fornecidos sem furos para lubrificação sob encomenda (sufixo de designação W)
Para condições operacionais exigentes que ocorrem em aplicações agrícolas, como combinações e enfardadeiras, harvesters e os arados de disco, a SKF desenvolveu a série de rolamentos YSPAG 2 (fig. 16). Esses rolamentos:
  • são equipados com uma vedação de cinco lábios patenteada (→ Sealing solutions, 5-lip seals)
  • são fornecidos sem furos para lubrificação no anel externo
Rolamentos série Y com furo cônico
  • são indicados para aplicações de direções constantes e alternantes de rotação
  • compatíveis com as seguintes buchas de fixação:
    • Série H 23 para eixos métricos
    • Séries HA 23 e HE 23 para eixos em polegadas
  • permitem que a velocidade-limite total seja atingida quando montados em uma bucha de fixação, mesmo com eixos comerciais comuns
  • têm um anel interno simetricamente prolongado em ambos os lados e um furo cônico (conicidade 1:12) (fig. 17, série de rolamentos YSA 2)
  • têm uma tampa em ambos os lados com uma vedação robusta padrão e um defletor comum adicional de aço laminado (→ Sealing solutions, Standard seals with additional flingers)
  • têm dois furos para relubrificação no anel externo como padrão, um de cada lado, posicionados a 120° um do outro
  • podem ser fornecidos sem furos para lubrificação sob encomenda (sufixo de designação W)
As buchas de fixação associadas devem ser pedidas separadamente dos rolamentos.
Rolamentos série Y com um anel interno padrão
  • são indicados para aplicações nas quais um funcionamento suave é um parâmetro operacional essencial
  • possuem tolerâncias normais para o diâmetro do furo do rolamento e são fixados no eixo utilizando um ajuste interferente adequado
  • possuem as mesmas dimensões e características dos rolamentos rígidos de esferas das séries 62 e 63, mas possuem uma superfície externa esférica (convexa) (fig. 18, série de rolamentos 17262 e 17263)
  • acomodam cargas axiais mais pesadas do que qualquer outro rolamento série Y
  • podem operar nas mesmas velocidades que um rolamento rígido de esferas vedado correspondente
  • são tampados em ambos os lados (→ Sealing solutions) com:
    • uma vedação de contato de borracha de nitrilo butadieno (NBR) (→ RS1 seals, sufixo de designação 2FRS1) como padrão
    • vedação robusta padrão (→ Standard seals, sufixo de designação 2FRS1/VP274)
  • não têm nenhum furo para lubrificação no anel externo como padrão
  • podem ser fornecidos com dois furos para lubrificação no anel externo, um de cada lado, posicionadas a 120° um do outro (sufixo de designação B)
Soluções de vedação

A SKF fornece todos os rolamentos série Y tampados com uma vedação ou placa de proteção nos dois lados. Em aplicações típicas de rolamentos série Y, nenhuma proteção externa adicional é necessária. Portanto, os rolamentos série Y estão disponíveis em vários projetos de arranjos de vedação para atender às demandas de uma ampla variedade de condições operacionais.

Quando os rolamentos tampados devem operar em determinadas condições, como em velocidades muito altas ou em temperaturas elevadas, poderá ocorrer vazamento de graxa entre o anel interno e a placa de vedação. Em arranjos de rolamentos em que essa situação seria prejudicial, deverão ser tomadas as medidas adequadas.

Vedações-padrão

  • consistem em uma arruela de aço laminado estampado com um lábio de vedação feito de borracha de nitrilo butadieno (NBR) vulcanizada na superfície interna (fig. 19, sufixo de designação VP274 para rolamentos com um anel interno padrão e sem sufixo de designação para outros rolamentos série Y).
  • formam, com sua arruela de aço laminado sem contato, uma fresta estreita com o ressalto do anel interno para proteger a vedação contra contaminantes grossos

Vedações padrão com defletores adicionais

  • são recomendados para os ambientes mais contaminados
  • consistem em uma vedação padrão e um defletor comum adicional de aço laminado ou de aço laminado inoxidável (fig. 20, sufixo de designação 2F)
  • possuem um ajuste interferente para o defletor no ressalto do anel interno para melhorar consideravelmente a eficácia da vedação sem aumentar o atrito
  • estão disponíveis apenas para rolamentos com anel interno prolongado em ambos os lados

Vedações múltiplas

  • são recomendados para ambientes muito contaminados
  • consistem em uma vedação padrão e um defletor com lábio de borracha de nitrilo butadieno (NBR) vulcanizada, que veda axialmente em relação a vedação padrão (fig. 21, sufixo de designação 2RF)
  • têm o espaço entre o lábio do defletor e o ressalto do anel interno preenchido com graxa para proporcionar proteção adicional
  • estão disponíveis apenas para rolamentos com anel interno prolongado em ambos os lados

Vedações de 5 lábios

  • são recomendadas para ambientes extremamente contaminados, como aplicações agrícolas
  • são patenteadas pela SKF
  • consistem em um inserto de aço laminado com uma vedação de contato vulcanizada de 5 lábios feita de um composto de borracha de nitrilo butadieno (NBR) de baixo atrito (fig. 22):
    • O inserto de aço é mantido no lugar por um canal no anel externo do rolamento e protege a vedação contra contaminantes sólidos.
    • Cada lábio de vedação possui um projeto diferente para proporcionar melhor desempenho de vedação em resposta às diferentes condições operacionais, incluindo desalinhamento dinâmico.
    • Os lábios mais externos e mais internos atuam como um labirinto para evitar a entrada de contaminantes e o vazamento de graxa, respectivamente.
    • Os três lábios internos fazem contato constante com o ressalto do anel interno.
  • estão disponíveis apenas para rolamentos com anel interno prolongado em ambos os lados

Vedações RS1

  • foram originalmente desenvolvidas para rolamentos rígidos de esferas padrão SKF
  • são instaladas em um rebaixo no anel externo e correm contra o ressalto do anel interno para atuar como vedações de contato (fig. 23, sufixo de designação 2RS1)
  • são feitas de borracha de nitrilo butadieno (NBR) e reforçadas com aço laminado

Placas de proteção

  • são desenvolvidas para aplicações nas quais o nível de contaminação é baixo e o atrito adicional deve ser evitado
  • são instaladas em um rebaixo no anel externo (fig. 24, sufixo de designação VP076)
  • não entram em contato com o anel interno, mas formam uma fresta estreita
  • são feitas de aço laminado
  • estão disponíveis apenas para rolamentos série Y sob encomenda

Rolamentos com placas de proteção não devem ser usados em locais nos quais água, vapor ou umidade podem entrar no rolamento.

Gaiolas

Os rolamentos série Y SKF possuem, por padrão, uma gaiola tipo encaixe de fibra de vidro reforçada PA66 (fig. 25), sem sufixo de designação.

Quando usados em temperaturas altas, alguns lubrificantes podem causar um efeito prejudicial nas gaiolas de poliamida. Para obter mais informações sobre a adequação das gaiolas, consulte Gaiolas e Materiais da gaiola.

Anéis de assento de borracha
  • estão disponíveis na série RIS 2 (fig. 26, tabela de produtos)
  • podem ser instalados em todos os rolamentos série Y SKF, exceto naqueles com anel interno padrão (séries 17262 e 17263)
  • são indicados principalmente para "amortecer" os rolamentos série Y em caixas de mancal de aço estampado
  • são indicados para reduzir vibrações e ruídos
  • são indicados para permitir que os rolamentos sejam levemente deslocados em seus mancais para suportar pequenos desalinhamentos ou expansão do eixo
  • são localizados no anel externo do rolamento e no furo do mancal (fig. 27)
  • são feitos de NBR
  • podem suportar temperaturas que variam entre –30 e +100 °C (–20 to +210 °F).

Os anéis de assento de borracha estão disponíveis como acessório e devem ser pedidos separadamente. No entanto, os rolamentos série Y da série YET 2 podem ser fornecidos com o anel de assento já colocado (fig. 28). Esses produtos são identificados pelo prefixo da série CYS, seguido pelo diâmetro do furo do rolamento e o sufixo de identificação do rolamento FM (por exemplo, CYS 20 FM é um rolamento YET 204 com um furo de 20 mm, equipado com um anel de assento de borracha RIS 204).

SKF logo