Carga mínima

Para obter um funcionamento satisfatório, os rolamentos de duas carreiras de rolos cilíndricos, assim como todos os rolamentos de esferas e de rolos, devem sempre estar submetidos a uma determinada carga mínima, especialmente se trabalharem em velocidades elevadas ou estiverem sujeitos a grandes acelerações ou mudanças bruscas na direção da carga. Nessas condições, as forças de inércia dos rolos e da gaiola e o atrito no lubrificante podem ter um efeito prejudicial nas condições de rolagem do arranjo de rolamentos e causar deslizamentos prejudiciais entre os rolos e as pistas.
A carga mínima necessária a ser aplicada aos rolamentos de duas carreiras de rolos cilíndricos pode ser estimada com


Cálculo inicial

onde

Frm=carga radial mínima [kN]
kr=fator de carga mínima (→ entre em contato com a SKF)
n=velocidade operacional [r/min]
nr=classificação de velocidade [r/min] (→ entre em contato com a SKF)
  • nr = reference speed for open bearings
  • nr = 1,3 × limiting speed for sealed bearings
dm=diâmetro médio do rolamento [mm]
= 0,5 (d + D)
Quando é efetuada a partida em baixas temperaturas ou quando o lubrificante é altamente viscoso, cargas ainda maiores podem ser necessárias. O peso dos componentes suportados pelo rolamento, juntamente com as forças externas, costuma exceder a carga mínima necessária. Caso não exceda, será necessário acrescentar uma carga radial ao rolamento de duas carreiras de rolos cilíndricos.
Os rolamentos, de acordo com as especificações da classe de tolerância SP, quando montados, encontram-se sob pré-carga. Por isso, normalmente não é necessário fazer o cálculo acima.
SKF logo