Dimensões

Os fabricantes e usuários de rolamentos, por razões de preço, qualidade e facilidade de substituição, estão apenas interessados em um número limitado de tamanhos de rolamentos. A ISO (International Organization for Standardization), portanto, estabeleceu planos gerais das dimensões máximas de
  • rolamentos radiais métricos no padrão ISO 15:1998, exceto rolamentos de rolos cônicos
  • rolamentos radiais de rolos cônicos métricos no padrão ISO 355:1977
  • rolamentos axiais métricos no padrão ISO 104:2002.

Planos gerais ISO

Os planos gerais ISO de dimensões máximas para rolamentos radiais contêm uma série progressiva de diâmetros externos padronizados para cada diâmetro do furo padrão, organizados nas séries de diâmetro 7, 8, 9, 0, 1, 2, 3 e 4 (em ordem crescente de diâmetro externo). Dentro de cada série de diâmetro, diferentes séries de largura também foram estabelecidas (séries de largura 8, 0, 1, 2, 3, 4, 5, 6 e 7, em ordem crescente de largura). A série de largura para rolamentos radiais corresponde à série de altura para rolamentos axiais (séries de altura 7, 9, 1 e 2, em ordem crescente de altura)
Combinando uma série de larguras ou alturas com uma série de diâmetros, uma série de dimensões, designada por dois algarismos, é obtida. O primeiro algarismo identifica a série de larguras ou alturas, e o segundo a série de diâmetros (fig. 1).
No plano geral ISO para rolamentos de rolos cônicos métricos de uma carreira, as dimensões máximas são agrupadas para determinadas faixas de ângulo de contato α, conhecidas como séries de ângulos (séries de ângulos 2, 3, 4, 5, 6 e 7, em ordem crescente de ângulo). Com base no relacionamento entre os diâmetros externo e do furo, e entre a largura total do rolamento e a altura transversal, séries de diâmetros e larguras também foram estabelecidas. Aqui, uma série de dimensões é obtida pela combinação da série de ângulos com uma série de diâmetros e uma série de larguras (fig. 2). Essas séries de dimensões consistem em um algarismo para a série de ângulos e duas letras, sendo que a primeira letra identifica a série de diâmetros e a segunda, a série de larguras.
Com muito poucas exceções, determinadas pelo desenvolvimento dos rolamentos, os rolamentos deste catálogo estão em conformidade com os planos gerais ISO ou com outros padrões ISO para as dimensões de alguns tipos de rolamento para os quais a série de dimensões ISO não é apropriada. Em relação às principais dimensões, esses rolamentos são intercambiáveis. Informações adicionais são fornecidas sob o título "Dimensões" dos textos introdutórios das seções de produtos individuais.
A experiência mostrou que os requisitos da grande maioria de aplicações de rolamentos podem ser atendidos, utilizando-se rolamentos com essas dimensões padronizadas.

Planos gerais para rolamentos em polegadas

Um grupo grande de rolamentos com tamanhos em polegadas são os rolamentos de rolos cônicos em polegadas. As dimensões desses rolamentos estão de acordo com a Norma AFBMA 19-1974 (ANSI B3.19-1975). Posteriormente, ela foi substituída pela Norma ANSI/ABMA 19.2-1994, mas esta não inclui mais dimensões.
Além dos rolamentos de rolos cônicos com dimensões em polegadas, alguns rolamentos de esferas e rolamentos de rolos cilíndricos em polegadas que seguem o padrão britânico mais antigo BS292-2:1982 também estão disponíveis, mas não são mostrados neste catálogo. Esse padrão foi posteriormente anulado em consequência da metrificação, não sendo recomendável que esses rolamentos sejam utilizados em projetos novos.

Rolamentos identificados por números de desenho

Os rolamentos com número de desenho normalmente possuem dimensões personalizadas, embora frequentemente a diferença entre um rolamento com número de desenho e um rolamento padrão esteja no projeto interno ou em um chanfro modificado, por exemplo. Em alguns casos, por exemplo, rolamentos de múltiplas carreiras de rolos para laminadores, as dimensões se tornaram um padrão para a indústria, portanto, novamente, a intercambialidade é garantida.
SKF logo