Vedações de contato

As vedações de contato (fig. 1) geralmente são muito confiáveis. No entanto, sua eficácia depende de vários fatores, incluindo:
  • o projeto de vedação
  • o material de vedação
  • a pressão de contato
  • o acabamento da superfície de apoio da vedação
  • as condições do lábio de vedação
  • a presença de lubrificante entre o lábio de vedação e a superfície de apoio
A pressão de contato (fig. 1) pode ser feita:
  • pela resiliência da vedação, resultante das propriedades elásticas do material da vedação (a)
  • pela interferência projetada entre a vedação e sua superfície de apoio (b)
  • por uma força tangencial exercida por uma mola de lâmina incorporada na vedação (c)
O atrito entre o lábio de vedação e a superfície de apoio pode gerar uma grande quantidade de calor. Como resultado, essas vedações têm limites de velocidade periférica. Elas são também suscetíveis a danos mecânicos como resultado de montagem inadequada ou de contaminantes sólidos. Para proteger a vedação contra danos causados por contaminantes sólidos, uma vedação sem contato normalmente é colocada na frente de uma vedação de contato.
SKF logo