Pré-carga do rolamento

Dependendo da aplicação, pode ser necessário pré-carregar o arranjo de rolamentos, ou seja, aplicar uma folga operacional negativa.
Em aplicações como eixos-árvore de máquinas-ferramenta, diferenciais automotivos e motores elétricos, em que a pré-carga aumenta a rigidez e a precisão de giro, a SKF recomenda a aplicação de pré-carga com molas se uma porca de ajuste não estiver disponível. As molas também devem ser usadas sob condições de carga muito leves ou sem carga para fornecer uma carga mínima no rolamento (→ Carga mínima requerida).
A pré-carga pode ser expressa como uma força ou distância (caminho), mas normalmente é expressa como uma força.
Dependendo do método de ajuste, a pré-carga também está indiretamente relacionada com o momento de atrito no rolamento.
Valores de pré-carga empíricos podem ser obtidos em projetos comprovados e podem ser aplicados a projetos semelhantes. Para novos projetos, a SKF recomenda o cálculo da força de pré-carga e a verificação de sua precisão por meio de testes da aplicação. Em geral, todos os fatores influenciadores da operação não podem ser plenamente identificados na etapa de projeto e podem ser necessários ajustes. A precisão do cálculo depende de como a ligação entre a temperatura operacional e o comportamento elástico dos componentes associados – principalmente o mancal – coincide com as condições reais em operação.
SKF logo