Carga dinâmica equivalente do rolamento

Se a carga calculada do rolamento F obtida, utilizando-se as informações acima, atender aos requisitos de classificação básica de carga dinâmica C, ou seja, a carga é constante em magnitude e direção e atua radialmente em um rolamento radial ou axial e centralmente em um rolamento axial, então P = F e a carga podem ser inseridas diretamente nas equações de vida útil.
Em todos os outros casos, é primeiro necessário calcular a carga dinâmica equivalente do rolamento. Isso é definido como a carga hipotética, constante em magnitude e direção, agindo radialmente em rolamentos radiais ou axial e centralmente em um rolamento axial, que, se aplicada, teria a mesma influência na vida do rolamento que as cargas reais às quais o rolamento está submetido (fig. 1).
Rolamentos radiais geralmente são submetidos a cargas radiais e axiais que agem simultaneamente. Se a carga resultante for constante em magnitude e direção, a carga dinâmica equivalente do rolamento P poderá ser obtida com a equação geral



Cálculo inicial

onde

P=carga dinâmica equivalente do rolamento [kN]
Fr=carga radial real no rolamento [kN]
Fa=carga axial real do rolamento [kN]
X=fator de carga radial para o rolamento
Y=fator de carga axial para o rolamento
Uma carga axial adicional influencia somente a carga dinâmica equivalente P para um rolamento radial de uma carreira se a relação Fa/Fr exceder um certo fator limitante e. Com rolamentos de duas carreiras, geralmente mesmo cargas axiais leves são significativas.
A mesma equação geral se aplica a rolamentos axiais autocompensadores de rolos, que podem acomodar tanto cargas axiais como cargas radiais. Para rolamentos axiais que possam suportar somente cargas puramente axiais, como rolamentos axiais de esferas e rolamentos axiais de rolos cônicos, de agulhas e cilíndricos, a equação pode ser simplificada, desde que a carga aja centralmente, para

P = Fa

Todas as informações e os dados necessários para calcular a carga dinâmica equivalente do rolamento serão encontradas no texto introdutório de cada seção de produto e nas tabelas de produtos.

Carga de flutuação do rolamento

Em muitos casos, a magnitude da carga flutua. A fórmula para cálculo de vida com condições operacionais variáveis deverá ser aplicada (consulte a seção Cálculo da vida com condições operacionais variáveis).

Carga média em um intervalo de trabalho

Em cada intervalo de carregamento, as condições operacionais podem variar levemente com relação ao valor nominal. Supondo que as condições operacionais, como, por exemplo, velocidade e direção da carga sejam relativamente constantes e a magnitude da carga varie constantemente entre um valor mínimo Fmin e um valor máximo Fmax (diagrama 1), a carga média pode ser obtida de:

Fm = (Fmín + 2Fmáx)/3

Carga rotativa

Se, conforme ilustrado no diagrama 2, a carga sobre o rolamento consiste em uma carga F1, constante em magnitude e direção (por exemplo, o peso de um rotor) e em uma carga rotativa constante F2 (por exemplo, uma carga desbalanceada), a carga média pode ser obtida de

Fm = fm (F1 + F2)

Valores para o fator fm podem ser obtidos no diagrama 3.
SKF logo