Velocidades acima da velocidade de referência

Conforme mencionado no exemplo anterior, é possível operar rolamentos em velocidades acima da velocidade de referência, desde que o aumento na temperatura operacional possa ser controlado e não ter um impacto negativo sobre o rolamento ou aplicação.
Antes de operar um rolamento acima de sua velocidade de referência, certifique-se de que todos os componentes do rolamento, inclusive as gaiolas e vedações, possam suportar as temperaturas mais altas. Além disso, certifique-se de que a folga ou os valores de pré-carga e o lubrificante possam suportar temperaturas mais elevadas.
A temperatura operacional pode ser mantida sob controle se o atrito dentro do rolamento puder ser reduzido ou se o calor puder ser removido do arranjo de rolamentos.
O atrito pode ser reduzido até certo grau com um sistema de lubrificação otimizada que aplica pequenas quantidades de graxa ou óleo dosadas com precisão no rolamento.
O calor pode ser removido do arranjo de rolamentos de diversas maneiras. Entre as soluções comuns para resfriar o óleo em aplicações lubrificadas com óleo estão ventiladores, resfriadores auxiliares e sistemas de óleo circulante (→ Métodos de lubrificação a óleo).
Ao aplicar alguma dessas soluções em um rolamento livre, é importante verificar se as temperaturas mais baixas não afetam a capacidade do rolamento de se mover axialmente. Em alguns casos, pode ser necessário aumentar outros fatores de limitação de velocidade, como precisão de giro do rolamento, projeto de gaiola e materiais do rolamento. Qualquer aumento na temperatura do rolamento reduz a viscosidade e a eficácia do lubrificante, dificultando para o lubrificante manter um filme hidrodinâmico eficaz.
Na maioria dos casos, isso aumenta ainda mais o atrito e calor do atrito. Quando a temperatura aumentar até o ponto em que o anel interno se tornar significativamente mais quente que o anel externo, a folga operacional no rolamento pode ser reduzida para o ponto em que o rolamento é engripado. Qualquer aumento na velocidade acima da velocidade de referência geralmente significa que a diferença de temperatura entre os anéis interno e externo está acima do normal. Portanto, um rolamento com uma folga interna maior do que inicialmente selecionado pode ser necessário (→ Folga interna do rolamento). Também pode ser necessário também observar mais atentamente a distribuição da temperatura no rolamento, assim como os limites de temperatura da gaiola e lubrificante já que temperaturas constantes superiores a 70 °C podem reduzir sua vida útil (→ Gaiolas de polímero e naGraxas de lubrificação).
Para avaliações específicas de aplicações funcionando acima da velocidade de referência (térmica), entre em contato com o serviço de engenharia de aplicação SKF. Como regra geral, a velocidade limite do rolamento deve ser observada, mesmo sob as mais favoráveis condições de atrito e refrigeração.
SKF logo