Materiais das vedações

As vedações integradas nos rolamentos de superprecisão SKF normalmente são feitas de elastômeros reforçados com aço laminado.

Borracha de acrilonitrila-butadieno

A borracha de acrilonitrila-butadieno (NBR) é o material da vedação "universal". Esse copolímero, fabricado a partir de acrilonitrila e butadieno, apresenta boa resistência aos seguintes agentes:
  • a maioria dos óleos minerais e graxas à base de óleo mineral
  • combustíveis normais, como gasolina, diesel e óleos combustíveis leves
  • óleos e gorduras animais e vegetais
  • água quente
A faixa de temperaturas operacionais permitidas é de -40 a 100 °C . O lábio de vedação pode tolerar o funcionamento a seco dentro dessa faixa de temperaturas por períodos curtos. Temperaturas de até 120 °C são toleradas por períodos curtos. Em temperaturas mais altas, o material endurece.

Borracha fluorada

Fluoelastômeros (FKM) são caracterizados por sua alta resistência térmica e química. Sua resistência ao envelhecimento e ao ozônio é muito boa e sua permeabilidade a gases é muito baixa. Têm características de desgaste excepcionalmente boas mesmo sob condições ambientais rigorosas. A faixa de temperaturas operacionais permitidas é de -30 a 230 °C . O lábio de vedação pode tolerar o funcionamento a seco dentro dessa faixa de temperaturas por períodos curtos.
O FKM é resistente a óleos e fluidos hidráulicos, combustíveis e lubrificantes, ácidos minerais e alifáticos, bem como hidrocarbonetos aromáticos que danificariam vedações feitas de outros materiais. Na presença de ésteres, éteres, cetonas, determinadas aminas e hidrofluoretos anidros quentes, as FKM não devem ser usadas.
As vedações feitas de FKM expostas a chamas ou a temperaturas acima de 300 °C representam um risco à saúde e ao ambiente. Elas continuam perigosas mesmo após terem resfriado. Leia e siga as precauções de segurança.

AVISO: VAPORES NOCIVOS

Precauções de segurança para fluoelastômero

O fluoelastômero (FKM) é muito estável e inofensivo dentro de temperaturas operacionais normais de até 200 °C . No entanto, se exposto a temperaturas acima de 300 °C , como fogo ou a chama de um maçarico, as vedações em fluoelastômero liberam vapores nocivos. Esses vapores podem ser nocivos se inalados, além de prejudiciais se entrarem em contato com os olhos. Além disso, uma vez aquecidas a tais temperaturas, as vedações são perigosas de manusear, mesmo após terem sido resfriadas. Portanto, elas nunca deve entrar em contato com a pele.

Se for necessário manusear rolamentos com vedações que tenham sido submetidas a altas temperaturas, como ao desmontar o rolamento, as seguintes precauções de segurança deverão ser observadas:

  • Use sempre luvas e óculos de proteção e um equipamento de respiração apropriado.
  • Coloque os restos das vedações em um recipiente plástico hermético marcado com um símbolo que indique "material cáustico".
  • Siga as precauções de segurança da especificação de segurança do material (MSDS) apropriada.

Se houver contato com as vedações, lave as mãos com sabão e bastante água e, se tiver havido contato com os olhos, lave-os com bastante água e consulte um médico imediatamente. Se os vapores tiverem sido inalados, consulte um médico imediatamente.

O usuário é responsável pelo uso correto do produto durante sua vida útil e por seu descarte adequado. A SKF não se responsabiliza pelo manuseio indevido de vedações de FKM ou por qualquer lesão resultante de seu uso.

SKF logo