Cookies no site da SKF

Nós utilizamos cookies para assegurar que você tenha a melhor experiência em nossos sites e em nossos aplicativos da Web. Caso você continue sem alterar as configurações de seu navegador, entenderemos que você deu seu consentimento para receber cookies. No entanto, você poderá alterar as configurações de cookies de seu navegador a qualquer momento.

cookie_information_popup_text_2[149]

Trilhando o caminho para um futuro digital

  • Artigo

    2017 Junho 12, 10:00 CET

    Mais digitalização de tecnologias estabelecidas, como monitoramento da condição e sensores inteligentes, pode ter um efeito revolucionário na fabricação, afirma Bernie van Leeuwen, diretor de digitalização de gestão de produtos na SKF

    Gotemburgo, Suécia, 12 de junho de 2017: A digitalização é mais evidente no mercado consumidor, no qual downloads de música, compras on-line e TV sob demanda são aclamados como maravilhas da era digital. No entanto, a digitalização também está tendo um grande impacto na fabricação, e a SKF está na vanguarda de usá-la para aprimorar os negócios a serviço de nossos clientes.

    A capacidade de coletar e manusear grandes volumes de informações digitais impulsionará a fabricação no futuro. Ao adotar a digitalização, a SKF está aprimorando sua oferta principal – tecnologia de rolamentos e serviços relacionados – para que nossos clientes possam aumentar mais o desempenho dos equipamentos rotativos. Além disso, ao concentrar-se na digitalização industrial, a SKF visa incitar a otimização adicional do custo e da eficiência de toda a cadeia de valor, incluindo a integração entre fabricação de nível mundial e cadeia de suprimento.

    Aumento do conhecimento

    A digitalização afeta todas as partes da cadeia de valor, do projeto e da fabricação até a compra e a manutenção.

    A SKF monitora os equipamentos remotamente há aproximadamente 15 anos, e agora temos cerca de 1 milhão de rolamentos conectados à nuvem. Os dados são reunidos e interpretados diariamente, muitas vezes com a assistência de nossos especialistas. A capacidade de lidar com esses dados resulta em uma análise aprimorada – permitindo à SKF detectar antecipadamente possíveis falhas em equipamentos rotativos, as quais afetam a confiabilidade dos equipamentos, e obter um melhor entendimento dos requisitos críticos do projeto de sistema e produto.

    Já desenvolvemos plataformas para ajudar os clientes a coletar e interpretar os dados. Por exemplo, nossa plataforma Enlight ajuda os operadores a visualizar dados de uma variedade de fontes usando um dispositivo, como um smartphone ou tablet. Essa é uma forma inteligente de colocar os big data no bolso do operador.

    A "conectividade" dos dados está em todas as direções e pode ser utilizada de várias maneiras. Na mais simples, um sensor é conectado a um centro de diagnósticos remoto. No entanto, os dados sobre a integridade de um rolamento, por exemplo, podem ser fornecidos diretamente na fase de projeto e utilizados para ajudar no reprojeto de um produto melhor.

    Uma maior digitalização também começou a permitir uma fabricação mais personalizada. Como é possível reduzir os tempos de reconfiguração da máquina próximo a zero, há menos restrições para a fabricação de produtos personalizados. Recentemente, o proprietário de uma fábrica de alumínio solicitou rolamentos que permitissem uma produção maior – através de uma velocidade de rolagem mais alta –, custos de manutenção menores e a eliminação dos tempos de parada não programada. A SKF conseguiu produzir rolamentos de quatro carreiras de rolos cilíndricos – completos com propriedades de superfície otimizadas e revestimentos personalizados – para aumentar a vida útil e a robustez, bem como minimizar o custo do produto.

    Pagamento pelo desempenho

    Uma grande mudança no futuro – auxiliada pela digitalização – será a maneira na qual atendemos nossos clientes. Embora o modelo "transacional" comum de fornecer equipamentos continue importante, ele começará a ser substituído por contratos baseados em desempenho.

    Nesse modelo, a SKF será responsável por garantir que as operações do cliente permaneçam eficientes. O fornecimento de equipamentos como rolamentos apoiará os serviços – da manutenção preditiva ao conhecimento de lubrificação – que fornecem essa eficiência extra.

    Recentemente, a SKF firmou um contrato "Rotation For Life" de cinco anos com a Zinkgruvan Mining da Suécia. A SKF realizará o monitoramento remoto das quatro unidades em uma fábrica de enriquecimento da Zinkgruvan. A empresa pagará à SKF uma tarifa com base nas metas de produtividade terem sido atingidas ou não.

    Esse acordo depende de as tecnologias de digitalização funcionarem em sincronia. Em uma disposição do contrato, os dados de monitoramento de uma esteira transportadora são coletados automaticamente – sem intervenção humana –, e um especialista da SKF analisa os desvios, se necessário, enquanto um sistema de lubrificação distribuída mantém a linha funcionando na eficiência ideal.

    A capacidade de correlacionar uma ampla variedade de dados pode melhorar ainda mais o desempenho. Por exemplo, os dados de monitoramento da condição coletados rotineiramente pela SKF agora podem ser combinados com os dados de "processo", como os parâmetros de controle e velocidade da máquina, através de uma colaboração com Honeywell. Combinar esses fluxos de dados ajudou um de nossos clientes em comum – um importante produtor de cobre – a tomar decisões mais informadas sobre a manutenção e o desempenho dos ativos.

    O cliente afirma que, no passado, a falha da peça resultaria em paralisação, mas agora isso pode ser evitado graças aos avisos antecipados fornecidos pela combinação dos dados de processo e de monitoramento.

    Ter acesso a essa ampla variedade de dados pode aprimorar a manutenção e ajudar os clientes a tomar decisões mais informadas. Por exemplo, analisar os dados de monitoramento e processo pode revelar que desacelerar uma máquina em 3% pode aumentar o período de manutenção em quatro semanas. O cliente pode equilibrar uma leve redução no rendimento com um período de produção mais longo – e tomar a melhor decisão possível.

    Autorreposição

    A detecção automática de rolamentos com falha é um enorme avanço na eficiência. No entanto, o processo de encomendar a reposição – incluindo enviar a ordem de compra para manufatura, a estimativa do tempo de espera e a entrega da peça – ainda envolve muita intervenção humana.

    A SKF já está se preparando para um futuro no qual a peça com defeito solicita a própria substituição. Como um sensor inteligente já pode se diagnosticar, não é difícil imaginar que ele poderia enviar uma mensagem automática ao início da cadeia de suprimento.

    E vai além disso: maior digitalização agiliza o processo de fabricação. já ajudou a diminuir os tempos de reconfiguração da máquina. Dessa maneira, uma peça de reposição específica pode ser programada para ser adicionada à linha de produção com o mínimo de interrupção – e tempo de resposta rápido.

    Combinar esses dois fatores – a previsão precisa de uma peça com defeito, com "fabricação por pedido" – garante que uma "demanda projetada" para as peças seja substituída por uma "demanda real". Isso estende o conceito de manufatura "just in time" até o componente individual e, um dia, poderia levar a níveis de estoque próximos de zero. É difícil imaginar um mundo sem estoque, mas essa perspectiva está no horizonte.

    Esse tipo de sistema ainda precisa ser desenvolvido. Entretanto, a SKF está realizando pilotos em áreas específicas da cadeia de suprimento. No futuro, o plano é unir esses projetos-piloto, permitindo uma digitalização total.

    Com o enorme poder das tecnologias digitais existentes, como os smartphones, é fácil acreditar que chegamos ao auge do desempenho. No entanto, estamos apenas no início da digitalização na fabricação. Cada aspecto da cadeia de valor da fabricação pode ser aprimorado pela digitalização. Alguns já surgiram, enquanto outros ainda estão no horizonte.

    Será que podemos realmente passar do autodiagnóstico de um rolamento à autoencomenda? Sim, podemos: a parte difícil é prever quando isso acontecerá.

    Aktiebolaget SKF
    (publ.)

    Para obter mais informações, entre em contato com:
    Assessoria de imprensa: Nia Kihlström, +46 31-337 2897; +46 706 67 28 97; nia.kihlstrom@skf.com

    A SKF é um dos principais fornecedores globais de rolamentos, vedações, mecatrônica, sistemas de lubrificação e serviços que incluem suporte técnico, serviços de manutenção e confiabilidade, consultoria em engenharia e treinamento. A SKF está representada em mais de 130 países e tem cerca de 17 mil distribuidores em todo o mundo. As vendas anuais em 2016 foram de 72,787 bilhões de coroas suecas, e a empresa empregava 44.868 funcionários. www.skf.com

    ® SKF é uma marca registrada do Grupo SKF.

  • Imagem

Download do kit de imprensa

Kit de imprensa (5.3 MB)

SKF logo