Cookies no site da SKF

A SKF usa cookies nos sites para ajustar ao máximo as informações exibidas com as preferências de nossos visitantes, como as opções de país e idioma.

Você aceita o uso de cookies da SKF?

Achievements so far

As with other aspects of our environmental impact, when acting to reduce environmental impact, SKF follows the principle of "starting in our own back yard”. 


Numerous life cycle studies show however, that we have significant opportunities to improve our environmental work, both up and down our value chain. 


We have set Group targets to reduce energy and CO2 in four main areas:

  • Suppliers
  • SKF’s own operations
  • Goods transportation
  • Customer solutions

Please read more on SKF's climate work in the BeyondZero whitepaper

Progress 2014


Target 2016    
Status 2014

Suppliers
Raw material and components
(Scope 3)

All SKF’s energy-intensive major suppliers certified according to ISO
50001 Energy management Standard by 2016.
6 certified,
25 started implementation
SKF
operations

Manufacturing and other relevant aspects
(Scope 1 and 2)
i) Reduce the total annual energy use of the SKF Group by 5% below 2006’s level by 2016.
ii) Reduce the energy use per production output by 5% year-on-year.
i) 1,638 GWh. Absolute energy use 16% below 2006 level.
ii) Relative energy use reduced 10% from 2013 to 2014
Transport and distribution
Goods transportation
(Scope 3)
Reduce CO2 emissions per tonne-kilometre for all transport managed by SKF Logistics Services by 30% below 2011’s level, by the end of 2016.15% reduction since 2011.
Customer solutions
Development of the SKF BeyondZero portfolio
(Scope 4)
Increase the revenue from the SKF BeyondZero portfolio from SEK 2.5 billion in 2011 to SEK 10 billion by 2016.

Revenues 2014: 

SEK 5,493 million.

Realizações até o momento

Desempenho em emissões de carbono 2002-2011

Como em outros aspectos de nosso impacto ambiental, quando em ação para reduzir as emissões globais de carbono, a SKF seguiu o princípio de "iniciar em nosso próprio quintal".

A posse direta e a gestão das instalações da SKF proporciona à empresa total responsabilidade e a capacidade direta de minimizar as emissões de carbono associadas ao consumo de energia direto. Portanto, em 2002, o grupo definiu sistemas de relatórios de energia e emissões de dióxido de carbono para suas próprias instalações e definiu metas claras para reduzir as emissões até 2007.

Já tendo atingido essas primeiras metas em 2005, em 2006 houve o lançamento de estratégias e metas mais amplas e agressivas, exigindo redução absoluta nas emissões de carbono resultantes do consumo direto de energia em instalações da SKF em 5% por ano, independente do desenvolvimento do volume.

Essa nova meta foi cumprida ano após ano por uma estratégia concentrada na redução de intensidade de energia nas fábricas e intensidade de carbono da energia utilizada.


Os resultados desses esforços concertados em todas as instalações da SKF em termos de economia de energia podem ser vistos no gráfico abaixo.

Os requisitos de energia anual total do grupo foram reduzidos em mais de 10% no período entre 2002 e 2011, quando o negócio da SKF (vendas líquidas) cresceu em aproximadamente 54%.




Mudança climática

SKF logo