O PODER DO DESEMPENHO

A descoberta do minério de ferro remonta ao século de 1600 em Kiruna, uma cidade localizada ao norte do Círculo Ártico, na região da Lapônia, na Suécia. Devido à localização remota e ao rigoroso clima, a mineração não decolou até a construção das ferrovias, em 1888. Desde então, as ferrovias de minério de ferro têm sido a espinha dorsal da indústria de mineração do norte.

As locomotivas de minério de ferro, as mais potentes do mundo, têm 68 vagões de comprimento, com uma capacidade de carga de 6.800 toneladas. Operadas pela empresa de mineração LKAB, elas funcionam o ano todo em via única, portanto, panes não podem sequer serem cogitadas. Mas o clima de inverno rigoroso e cargas pesadas afetam negativamente os rolamentos, as vedações, e a lubrificação durante o trabalho.

Os produtos e serviços da SKF ajudam a LKAB a transportar mais de 27 milhões de toneladas de minério de ferro pela ferrovia todo ano. Conheça a equipe da SKF que mantém os trens nos trilhos.

Estrelando:
Camilla Svensson, gerente de contas-chave, unidade comercial ferroviária e fora de estrada da SKF
Anders Inga, especialista em monitoramento da condição, centro de diagnóstico remoto
Lars Levin, engenheiro de aplicação


Links relacionados:

Ferrovias

Outras histórias

Veja abaixo o poder do conhecimento da SKF em ação em outros setores e segmentos no mundo inteiro.