Cookies no site da SKF

Nós utilizamos cookies para assegurar que você tenha a melhor experiência em nossos sites e em nossos aplicativos da Web. Caso você continue sem alterar as configurações de seu navegador, entenderemos que você deu seu consentimento para receber cookies. No entanto, você poderá alterar as configurações de cookies de seu navegador a qualquer momento.

Porcas de fixação de precisão com pinos de trava

As porcas de fixação KMT e KMTA são indicadas para aplicações em que uma montagem simples de alta precisão e uma fixação confiável sejam necessárias1. Os três pinos de trava igualmente espaçados permitem que essas porcas sejam posicionadas com precisão em ângulos retos com o eixo. No entanto, eles também podem ser ajustados de maneira a compensar os desvios angulares leves de componentes adjacentes.

As porcas de fixação KMT

  • estão disponíveis para rosca M 10 x 0,75 a M 200 x 3 (tamanhos 0 a 40) e Tr 220 x 4 a Tr 420 x 5 (tamanhos 44 a 84) (fig. 1)

As porcas de fixação KMTA

  • estão disponíveis para rosca M 25 x 1,5 a M 200 x 3 (tamanhos de 5 a 40) (fig. 2)
  • possuem uma superfície externa cilíndrica e, para alguns tamanhos, um passo de rosca diferente das porcas de fixação KMT 
  • são indicadas principalmente para aplicações em que o espaço seja limitado e a superfície externa cilíndrica possa ser usada como um elemento de vedação tipo ponte.

Características e benefícios

  • Desvio axial máximo entre a rosca e a face de fixação (até o tamanho 40): 0,005 mm
  • Ajustável para compensar desvios angulares leves (fig. 3)
  • Bom passo de rosca
  • Suporte a cargas axiais elevadas
  • Mecanismo de fixação confiável e eficiente
  • Instalação e remoção simples
  • O rasgo de chaveta não é necessário1
  • Reutilizável
  • Projetada para instalação e remoção frequentes

Princípio de fixação

As porcas de fixação de precisão séries KMT e KMTA possuem três pinos de trava igualmente espaçados em torno da circunferência (fig. 4, fig. 5 e fig. 6) que podem ser apertados com pinos roscados para travar a porca no eixo. A face de extremidade de cada pino é usinada para corresponder à rosca do eixo. Os furos para os pinos de trava e pinos roscados são perfurados com o eixo em paralelo ao flanco carregado da rosca do eixo (fig. 7). Quando apertados com o torque recomendado, os parafusos de trava proporcionam atrito suficiente entre as extremidades dos pinos e os flancos de rosca descarregados para evitar que a porca se solte em condições operacionais normais (→ Dados do produto). Como os pinos de trava são apertados contra o flanco descarregado da rosca do eixo, eles não são submetidos a cargas de aplicação impostas sobre a porca.
  1. 1)As porcas de fixação KMT e KMTA não devem ser usadas em eixos com rasgos de chaveta na rosca ou em buchas de fixação. Podem ocorrer avarias nos pinos de trava caso eles se alinhem a um rasgo de chaveta.
SKF logo