Cookies no site da SKF

Nós utilizamos cookies para assegurar que você tenha a melhor experiência em nossos sites e em nossos aplicativos da Web. Caso você continue sem alterar as configurações de seu navegador, entenderemos que você deu seu consentimento para receber cookies. No entanto, você poderá alterar as configurações de cookies de seu navegador a qualquer momento.

Folga interna inicial mínima necessária

Performance and operating conditionsBearing type and arrangementBearing sizeLubricationOperating temperature and speedBearing interfacesBearing executionSealing, mounting and dismounting

A folga interna inicial mínima necessária pode ser calculada usando-se

r = rop + Δrajuste + Δrtemp + ΔrOutro

onde
folga interna inicial mínima necessária [mm]
rop 
folga operacional necessária [mm]
Δrajuste alteração de folga causada por ajustes esperados máximos [mm]
Δrtemp alteração de folga máxima esperada da diferença de temperatura durante o início de operação ou em estado estável [mm]
ΔrOutro alteração de folga máxima esperada de outros efeitos, como fixação axial

O valor de folga interna inicial mínima necessária depende do tipo de rolamento (→ Faixa de folgas internas iniciais).
Para rolamentos de esferas de contato angular de uma carreira fixos transversais, rolamentos de rolos cônicos ou rolamentos axiais, certifique-se de que o valor mínimo da folga interna definido durante a montagem seja igual ou maior que a folga interna inicial mínima necessária.
Para outros tipos de rolamento, selecione uma classe de folga do rolamento (Normal, C3, C4, etc.) cuja folga mínima seja igual ou maior do que a folga interna inicial mínima estimada (fig. 1). Então, verifique se a folga máxima resultante da classe selecionada é aceitável para a aplicação. Se, por qualquer motivo, a folga máxima for muito grande, considere a escolha de um grupo de folgas reduzido – por exemplo, C3L, que inclui apenas a metade inferior da faixa do grupo de folgas C3.
SKF logo