Cookies no site da SKF

Nós utilizamos cookies para assegurar que você tenha a melhor experiência em nossos sites e em nossos aplicativos da Web. Caso você continue sem alterar as configurações de seu navegador, entenderemos que você deu seu consentimento para receber cookies. No entanto, você poderá alterar as configurações de cookies de seu navegador a qualquer momento.

Rigidez do sistema

A rigidez do sistema em aplicações de máquinas-ferramenta é extremamente importante, pois a deflexão sob carga exerce grande impacto sobre a precisão de usinagem. A rigidez do rolamento é apenas um dos fatores que influencia a rigidez do sistema. Outros incluem:
  • rigidez do eixo
  • projeção das ferramentas
  • rigidez do mancal
  • número e posição dos rolamentos e influência dos ajustes
Algumas diretrizes gerais para projetos de aplicações de precisão de alta velocidade incluem:
  • Selecionar o maior diâmetro do eixo possível.
  • Diminuir a distância entre a posição do rolamento da extremidade da ferramenta e a ponta do eixo-árvore.
  • Mantenha a distância entre os dois conjuntos de rolamentos curta (fig. 1). Uma diretriz para o espaçamento é:

    l ≈ 3 … 3,5 d

    onde
    l=distância entre a primeira carreira de rolamentos da extremidade da ferramenta e a carreira de rolamentos traseira na extremidade sem a ferramenta
    d=diâmetro do furo do rolamento da extremidade da ferramenta
O diagrama 1 apresenta uma visão geral sobre a rigidez relativa de diferentes sistemas de rolamentos. Para obter detalhes sobre a série de rolamentos, consulte Sistema de designação na seção de produto relevante. A comparação é baseada em rolamentos pré-carregados com furo de 100 mm na extremidade da ferramenta e de 90 mm na extremidade sem a ferramenta. Esses valores de referência não podem substituir cálculos precisos de rigidez do sistema. Para a análise de sistemas avançados, entre em contato com o serviço de engenharia de aplicação SKF.
SKF logo